Nascido no ICB, o projeto CientificaMente propõe “colocar a mão na massa” para entender como é feita a análise do DNA

Na tarde da última sexta-feira (29), o Laboratório de Aulas Práticas do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da USP se tornou o centro de uma investigação criminal. Profissionais já formados, graduandos, alunos do ensino médio e professores do ensino básico eram alguns dos participantes da “Oficina CSI”, promovida pelo CientificaMente, projeto de extensão coordenado pela professora Maristela Martins de Camargo.

Inspirada na célebre série americana “CSI – Investigação Criminal”, a atividade teve como objetivo descobrir, por meio da análise de DNA, qual dos suspeitos cometeu o crime investigado. Acompanhe na fotorreportagem todos os passos dessa busca, registrada pelas lentes da fotógrafa Cecília Bastos.

_

Matéria publicada no Site da USP – 03/02/2016

Anúncios